Os principais erros das empresas nas redes sociais e o comportamento dos internautas

Olhar para os deslizes já cometidos e conhecer o comportamento dos internautas nas redes sociais, pode ajudar as empresas a não cometer os mesmos erros

Antes de iniciar a atuação da sua empresa em mídias sociais, é importante analisar o que concorrentes e empresas em geral já realizaram nesse meio. Além de apontar caminhos a serem trilhados, essa análise pode ajudar a aprender com as falhas já cometidas por outros empresários.

5 pecados das pequenas empresas nas redes sociais

Confira abaixo os principais erros cometidos por empresas em mídias sociais:

1. Falar antes de escutar
Tem algo para dizer? Escute antes o que seu público está falando. Um trabalho de monitoramento prévio no início de sua ação vai ajudar a fundamentá-la e entender a linguagem de seu público. Entender como sua empresa é vista e falada em redes sociais é o primeiro passo para uma estratégia bem sucedida.

2. Ser egocêntrico
Seus consumidores não vão curtir sua página no Facebook para ouvir você detalhar as maravilhas dos produtos e serviços que sua empresa oferece. Não fale apenas de si mesmo. As pessoas estão interessadas em conteúdos e experiências. Encontre uma causa ligada ao negócio de sua empresa e aos interesses de seu público e poste conteúdos inspiradores como fotos, imagens e notícias.

3. Intrometer-se em conversas
Ao monitorar redes sociais, você vai encontrar diversas oportunidades de diálogo. Aqui, vale a etiqueta utilizada no cotidiano: você não pode interromper uma conversa entre um grupo de pessoas para anunciar seus serviços.

4. Ser arrogante
As mídias sociais deram grande poder ao consumidor, que pode facilmente tornar pública a má experiência com uma marca. Sua empresa deve aprender a reconhecer erros publicamente e ser humilde.

5. Não ter regularidade
Ser inconstante na publicação de conteúdo é um erro comum. É o caso de empresas que postam cinco conteúdos em 15 minutos e depois ficam dois dias sem falar nada. Determine uma frequência para seus posts e esquematize dias e horários para publicação dos conteúdos.

Para poder se comunicar com seu público nas mídias sociais, você tem que conhecer seus comportamentos. Veja o infográfico que aponta o comportamento dos internautas nas redes sociais:

comportamento_redes_sociais

fonte: exame abril

Facebook: novos feeds dão cores mais vivas à experiência na rede social

O novo Facebook

Mark Zuckerberg e sua equipe apresentaram, nesta quinta-feira (07) , o novo layout do Facebook. O site passa a apresentar fotos maiores e múltiplos feeds de notícias. As novidades serão exibidas a partir de hoje para alguns usuários. A implantação será gradual. Quem quiser ser um dos primeiros a migrar para o novo layout pode se entrar numa fila no Facebook. Veja como é o novo Facebook nas próximas páginas.

facebook

Menu de ícones

O menu à esquerda, onde ficam os grupos de que a pessoa participa, passa a ser formado por uma coluna estreita de ícones. Mas é possível expandi-lo para que apareçam os nomes de cada um. Essa mudança libera espaço na tela para que a coluna central fique mais larga. É o que permitiu aumentar o tamanho das fotos e vídeos exibidos.

facebook1

Fotos e vídeos maiores

O novo Facebook dá grande ênfase às fotos e vídeos, mais ou menos como acontece no rival Google Plus. Nesta imagem, vemos, lado a lado, como é mostrada uma foto no Facebook antigo e no novo. A diferença é notável.facebook2

Múltiplos feeds

No canto superior direito da página, desaparece o quadro de Novidades. Em seu lugar, o Facebook passa a exibir um menu onde o usuário escolhe que tipo de novidade deseja ver. Há, por exemplo, a opção Todos os Amigos, que mostra todas as atualizações dos amigos. Já Seguindo mostra atualizações de páginas que a pessoa curtiu e de usuários cujas novidades ela assina.

facebook3

Música

Aqui vemos outro exemplo de um dos feeds de notícias especializados do novo Facebook. Escolhendo o tema Música, o usuário pode ver o que seus amigos estão ouvindo e as novidades relacionadas com música. Escolhendo Fotos, serão mostradas apenas as fotos publicadas pelos amigos e por páginas que o usuário curtiu.

facebook4

Eventos lado a lado

Eventos com data marcada passam a ser exibidos lado a lado, como nesta imagem. É uma forma de o Facebook aproveitar a coluna central mais larga que é parte do novo layout.

facebook6

No PC como no tablet

O novo layout tomou emprestadas soluções que já existiam na versão do Facebook para dispositivos móveis. O resultado de todas essas mudanças é que o aspecto do site quando visto num PC fica mais parecido com o que ele tem num smartphone ou tablet

facebook7

fonte: Info Abril

Nova timeline do Facebook deve valorizar ainda mais a publicidade

Publicidade em vídeo deverá ganhar espaço na rede social em um futuro não muito distante, prevê site

Se você já está incomodado com a publicidade em sua timeline do Facebook, você pode não gostar das mudanças que estão por vir na rede social. Tudo indica que a nova versão do site, prevista para ser mostrada em evento no dia 7 de março, valorizará ainda mais o espaço publicitário da página de Mark Zuckerberg.

timeline_facebookO Business Insider levantou uma série de indícios sobre esta possível prática do ‘novo’ Facebook. O site analisa os comentários do CEO durante uma conferência com analistas de Wall Street em 30 de janeiro.

No evento, Zuckerberg citou que os anúncios na rede social estavam se saindo bem, mas que o Facebook é “capaz de fazer mais com diferentes tipos de mídias”. Pouco depois ele especificou o que seriam estas novas mídias: “fotos maiores, mídias ricas (com interatividade) e vídeo”.

Anúncios em vídeo são um passo importante para a rede social, já que os anunciantes estão dispostos a pagar muito mais do que mensagens de texto ou apenas imagens estáticas.

Segundo Zuckerberg, no entanto, atualmente não há publicidade em vídeo no Facebook por “uma questão de princípios de design de produto”. A rede social quer que o conteúdo orgânico tenha o mesmo formato que o conteúdo pago.

O Business Insider aponta que, por esta lógica, o Facebook não quer vídeos publicitários enquanto seus usuários não se acostumarem a assistir vídeos em sua timeline, seja compartilhado por seus amigos, seja enviado por produtores de conteúdo.

O site, por fim faz um resumo das prováveis ações da rede social daqui para frente:

  • Anunciantes querem exibir anúncios com “mídias ricas”, “fotos maiores” e “vídeos”
  • Facebook irá permitir que eles façam isso, eventualmente
  • Primeiro, o Facebook irá criar maneiras para que os usuários visualizem imagens maiores organicamente e vídeos de seus amigos e de possíveis parceiros

fonte: Olhar Digital

Internautas gastam em média 10 horas e 26 minutos em redes sociais

Dados relativos a janeiro apontam 53,5 milhões de usuários ativos na internet no Brasil e 40% da população de São Luís acessa a rede social

relogio_faceFoi realizada uma pesquisa pelo IBOPE Media, que verificou que em janeiro de 2013, os internautas brasileiros passaram em média 10 horas e 26 minutos em páginas de redes sociais. O número representa um crescimento de 13,5% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

No mesmo mês, também foi constatado que os usuários passaram mais tempo em sites de vídeos e filmes, em relação ao mesmo período de 2012. Houve um crescimento de 14,8 % em comparação a 2012, totalizando 1 hora e 52 minutos de acesso por usuário.

Os dados são do Net Insight, estudo do IBOPE Media, e revelam também que, em janeiro, o número de brasileiros com acesso à internet em ambiente domiciliar e de trabalho chegou a mais de 72,4 milhões de pessoas, das quais 53,5 milhões se comportaram como usuários ativos da rede, ou seja, visitaram ou viram páginas e sites no período. No média mês o maior pico de acessos aconteceu às 17 horas, quando 73% dos usuários estiveram conectados.

Em relação a faixa etária, a mais ativa é entre 25 a 49 anos, que correspondem a 52,7% dos usuários ativos da rede.

Em relação as categorias de sites mais acessadas, foram os sites de busca, portais e comunidades, seguidas das páginas de telecomunicações, serviços de internet e entretenimento.

O Mercado Local

De acordo com uma pesquisa uma pesquisa da agência Teaser Propaganda, São Luís possui um número considerável de usuários no facebook. Quase a metade da população da capital já acessa a rede social, é um numero bastante expressivo (como mostra na imagem). Isso mostra que temos um mercado pronto para ser trabalhado.

pesquisa_teaserfonte: http://www.ibope.com/pt-br/noticias/Paginas/Internauta-gasta-em-media-10-horas-e-26-minutos-em-redes-sociais.aspx 

Conheça alguns benefícios dos links patrocinados

  1. O que é o sistema Links Patrocinados?
  2. Algumas características dos Links Patrocinados?
  3. Quais as vantagens dos Links Patrocinados em relação a outros sistemas de anúncios?

Links patrocinados são a forma mais ágil de se anunciar e gerar visitantes  aos sites de comércio eletrônico por exemplo. Os links patrocinados são anúncios, geralmente de tamanho pequeno, postados em sites de busca como o Google com seu sistema de publicidade ADWORDS, ou em suas rede de parcerios ADSENSE.

google-adwords1

Características dos Links Patrocinados

Anúncios em Links Patrocinados são pagos por clique.

Diferentemente dos banners que são pagos no sistema de CPM (custo por mil exposições), os links patrocinados são pagos por clique, ou seja, você só paga se o usuário efetivamente clicar no link e for direcionado ao seu site.

O custo dos Links Patrocinados é estabelecido em um sistema de leilão.

Apenas o custo mínimo de cada link patrocinado é fixado, normalmente em 0,50 reais. A partir dai esse custo aumenta conforme a quantidade de anunciantes interessados em determinada palavra-chave, ou seja, quanto mais anunciantes desejarem anunciar naquela palavra maior será o custo do anúncio.

Google-Leilão

Quem paga mais ocupa as melhores posições.

O anunciante que der o lance mais alto por determinada palavra-chave talvez ocupe a primeira posição na página, aquela que gera maior volume de tráfego. O segundo maior lance talvez ocupe a segunda melhor posição e assim sucessivamente. Outro fator que influencia muito nisso é o índice de qualidade do adwords.

Google-Adwords-Invest

Vantagens dos Links Patrocinados em relação a outros sistemas de anúncios no Comércio Eletrônico

Os links patrocinados normalmente são mais baratos que anúncios em banners porque existe uma grande quantidade de palavras-chave disponíveis, de tal forma que o anunciante pode procurar alguma palavra que tenha relação com o seu produto e cujo custo seja compatível com o retorno esperado.

É importante ressaltar que a custo dos links patrocinados tende a aumentar à medida que o sistema se torne mais conhecido e utilizado como meio de promoção.

Google-Adwords-e-commerce

De fato, o percentual de usuários que clicam em links patrocinados é maior do que aquele verificado nos banners.

Texto publicado originalmente em: http://www.e-commerce.org.br

Facebook fecha parceria com operadoras de telefonia móvel

A rede social fechou parcerias com 18 oporadoras de telefonia móvel para a troca de mensagens gratuitas

Nesta segunda-feira (25), o Facebook anunciou uma parceiria com operadoras de telefonia móvel da Europa, Ásia, África e América Latina que visa oferecer acesso grátis ou um desconto para usuários que usarem a rede social a partir de seus celulares para a troca de mensagens.

No Brasil, a Oi foi a operadora escolhida; serviço de mensagens pode ser acessado por 6.000 modelos

No Brasil, a Oi foi a operadora escolhida; serviço de mensagens pode ser acessado por 6.000 modelos

Desta forma, os clientes poderão conversar por meio do app ou site mobile do Facebook sem comprometer a conta ou seu pacote de dados.

A promoção será válida para usuários do app Messenger para Android, Messenger para iOS, app do Facebook para outras plataformas e do site m.facebook.com.

No Brasil, a Oi foi a operadora escolhida para a parceria. Por enquanto, a empresa não se pronunciou se irá oferecer um desconto ou se irá liberar o tráfego. Portugal, Índia, Indonésia, Tailândia e Itália foram outros países contemplados com a promoção.

Hoje, clientes da TIM no Brasil já não são taxados ao acessar o Facebook em seus celulares.

A oferta é agressiva, pois compete com um dos serviços mais rentáveis das operadoras, que é o envio taxado de SMS. Por outro lado, elas esperam ganhar com a venda de pacotes de internet móvel. A troca de mensagens deve estimular a utilização da rede social e o tráfego para outros sites.

Segundo o Facebook, o serviço de mensagens hoje pode ser acessado por mais de 6.000 modelos de aparelhos celulares. Três em cada quatro usuários envia mensagens por meio da rede social. A promoção deve entrar em vigor nos próximos meses.

Fonte: Exame Info

Como os brasileiros enxergam as marcas no Facebook?

Confira 05 relatórios baseados em uma ampla pesquisa realizada pela empresa Gauge, consultoria em inteligência digital.

O que querem os usuários do Facebook? Por que algumas marcas conseguem melhores índices de engajamento do que outras? Estas, certamente, são perguntas que assombram a mente das empresas dos mais diferentes segmentos – e aguçam a curiosidade de todos.

Para compreender de forma mais ampla e com critérios técnicos o comportamento do usuário e sua relação com as marcas no ambiente do Facebook, a Gauge, consultoria de inteligência digital, acaba de concluir uma pesquisa inédita no País, realizada a partir de métodos quantitativos e qualitativos, que levou aproximadamente um ano para ser realizado e abordou diferentes segmentos de consumo: cervejas, destilados, bebidas não alcoólicas, bancos e carros.

5 marcas

“O Facebook se consolidou no País e tornou-se uma das mídias que mais trazem resultados para as marcas. No Brasil, 82 milhões de usuários estão conectados à internet, sendo que 51 milhões acessam o Facebook. As empresas, no entanto, ainda têm um longo caminho a percorrer para que a comunicação nas redes sociais se torne, de fato, eficiente”, explica Dante Calligaris, Diretor-Executivo da Gauge.

Com o objetivo de entender como as pessoas utilizam o Facebook e como elas se relacionam com as marcas, a pesquisa inédita da Gauge contou com a participação de usuários com idades e perfis diversos, além de observação de marcas de diferentes segmentos e com um grande número de fãs. Outro ponto importante da metodologia foi a utilização de softwares de mapeamentos, a partir de estudos estatísticos, que possibilitou à pesquisa fornecer um panorama fiel do comportamento do brasileiro no Facebook.

 

fonte: exame marketing