A era do Marketing Digital mudou a dinâmica do mercado

Confira 5 bons motivos para a sua empresa investir em Marketing Digital

Que a internet revolucionou a vida de todo o mundo, creio que todos concordam. Mas ela também mudou radicalmente a dinâmica de mercado em relação às formas de se vender, prospectar e relacionar-se com clientes.

Antigamente a forma mais efetiva de melhorar essa percepção junto ao público-alvo era investir o máximo possível em propaganda nas mídias tradicionais como TV, rádio, jornais, revistas, outdoors, folders, etc ao apresentar algo “melhor” ou “mais bonito” que seus concorrentes, correto?

Essa mudança comportamental dos consumidores faz com que o marketing digital seja cada vez mais importante para as empresas. E para que as ações de internet sejam realmente eficazes elas devem gerar valor para seu público-alvo, devem ser relevantes, informativas, educativas, precisas e fundamentadas na permissão, jamais devem ser invasivas.

marketing_digital1

Por essa razão, o marketing digital vem se destacando e tornando-se peça fundamental para o sucesso das empresas na nova economia digital, oferecendo ainda diferenciais importantíssimos em relação ao marketing tradicional e sendo decisivo no direcionamento estratégico de seus negócios, senão vejamos:

Segmentação

Você consegue enviar uma comunicação personalizada e dirigida àquelas pessoas realmente interessadas em seus produtos ou serviços. Nada de oferecer geladeira para esquimó. Nenhuma outra mídia consegue ser tão precisa na segmentação como a internet. Dessa forma, seu ROI (retorno sobre o investimento) é muito melhor.

Mensuração

Praticamente tudo na internet pode ser mensurado. Desde os acessos ao seu site, origem de visitantes, páginas vistas, tempo de permanência, taxa de abertura de e-mail marketing, etc., até se conhecer precisamente qual foi sua lucratividade para cada real investido, de acordo com suas metas de conversão em negócios.

mensuração

Direcionamento estratégico

As informações obtidas sobre o tráfego e audiência de seu site, suas campanhas de e-mail marketing e links patrocinados, além das redes sociais, oferecem informações ricas para o direcionamento estratégico de seu negócio. Assim você descobre qual é o tipo de informação, produto ou serviço que realmente interessa a seu público-alvo.

direcionamento-estratégico

Aumento de capital social

Quanto mais efetivo for o relacionamento com seu público-alvo, mais gente irá comentar sobre sua empresa, seja no tradicional boca a boca ou nas redes sociais. Seus clientes se tornam um ativo precioso na propagação de sua comunicação, reduzindo cada vez mais seu custo de aquisição e manutenção de clientes. Assim se consegue transformar clientes em fãs e esses em defensores de sua empresa.

Redução de custos e crescimento das vendas

Esse é o sonho de qualquer empresário, não é? Quando se constrói um relacionamento efetivo com seu público-alvo, entendendo suas necessidades e apresentando como os benefícios de seus produtos ou serviços podem supri-las, se consegue ampliar as vendas e reduzir seu custo unitário.

moedas-crescimento

Por essa razão, muitas empresas estão tendo excelentes resultados com o uso eficiente do marketing digital fazendo com que os investimentos nesta área cresçam 30% ao ano, em média, segundo a IAB Brasil.

Fonte: Mago web

Facebook lança novo layout para postagens e páginas curtidas

Depois da rede social apresentar o novo layout no dia 07 de de março, o Facebook lançou nesta quinta-feira (13) uma nova interface para a página de perfil dos usuários, a chamada linha do tempo (em inglês, “timeline”). As principais mudanças são o deslocamento das postagens para uma só coluna e a nova forma de organizar páginas “curtidas”.

Nem todos os usuários receberam a atualização. A transição deve ocorrer gradualmente.

Agora, as postagens (textos, links e imagens compartilhados) são exibidas somente na coluna direita. A da esquerda, por sua vez, exibe os amigos, fotos recentes, um resumo do perfil, locais, aplicativos e páginas curtidas.

Nova linha do tempo do Facebook: postagens à direita, páginas curtidas, fotos e amigos à esquerda


Nova linha do tempo do Facebook: postagens à direita, páginas curtidas, fotos e amigos à esquerda

O novo modo de exibição da timeline já estava sendo testado na Nova Zelândia. Em comunicado enviado ao blog The Next Web, o Facebook confirmou o teste, porém não forneceu mais informações.  De forma geral, a Nova Zelândia funciona como um laboratório para as mudanças do Facebook. Os moradores daquele país são os primeiros a receber as novidades da rede social.

Na nova “timeline”, seções como fotografias, música, livros e aplicativos são apresentadas em uma faixa branca e em formato de texto. Não há mais imagens –nem mesmo para a seção Fotos.

Também passou a ser possível adicionar à linha do tempo uma seção para cada um dos aplicativos de preferência, como o Pinterest, de murais virtuais, e o Instagram, app de fotografia que pertence à rede social desde o ano passado.

Filmes, música, livros e opções curtir ganharam organização em abas. Em filmes, por exemplo, é possível adicionar obras já assistidas e obras a assistir, como se fosse uma lista (pública).

Ganharam mais espaço as sugestões de página, feitas pela rede social baseada nas afinidades compartilhadas pelos usuários.

Seção de filmes na nova linha do tempo: organização em abas e as novas seções "assistidos" e "desejo assistir"

Seção de filmes na nova linha do tempo: organização em abas e as novas seções “assistidos” e “desejo assistir”

O Facebook publicou um novo item na suas páginas de ajuda para sanar eventuais dúvidas sobre o layout atualizado.

 

fonte: folha online

O conteúdo é o rei e o relacionamento a rainha

Saiba porque o contéudo é o protagonista na hora de se relacionar nas mídias sociais. E quais são as marcas campeãs de engajamento na rede social com maior audiência.

content

No momento da ativação de perfis nas mídias sociais surge um protagonista: o conteúdo. Cada mídia social exige um conteúdo segmentado, adequado para aquela plataforma. O usuário pode possuir perfis em diferentes plataformas, mas ele quer receber informações adequadas para cada uma delas.

Ao produzir o conteúdo é importante saber sobre o comportamento do usuário. Por exemplo, por que as pessoas curtem uma marca no Facebook? O levantamento do eMarketer (2011) mostrou que, para os usuários dessa mídia social, as razões mais comuns para se curtir a página de uma marca é a lealdade (49%) – público fiel, o desejo de acompanhar notícias sobre produtos (46%) – interesse contextual, e a busca por recompensas (46%) – público que não é fiel. Sobre o melhor caminho para que os consumidores tornem-se leais, a pesquisa revela que consultas e reclamações sendo atendidas 24 horas por dia, durante os sete dias da semana foi a principal razão para se manterem leais (34%), recompensas por compras e feedbacks ficaram na segunda colocação (20%).

Além de comportamento, é indispensável prestar atenção no EdgeRank. Ele é um algoritmo utilizado pelo Facebook para definir quais atualizações serão mostradas no Feed de Notícias dos usuários, baseado em três fatores: afinidade entre usuário e fan page, peso (interações da publicação) e data da publicação. Ou seja, se você não pensa o seu conteúdo para Facebook de forma estratégica, você pode estar falando sozinho. Os números mostram porque você deve pensar no EdgeRank: os usuários estão de 40 a 150 vezes mais propensos a consumir o conteúdo de uma marca no Feed de Notícias do que visitando uma fan page. E como os usuários reagem ao tipo de mídia postada? Veja abaixo:

  • Postagens com imagens conseguem 22% a mais de engajamento em relação a postagens com vídeos;
  • Postagens com imagens possuem 54% a mais de engajamento em relação a postagens de texto ;
  • Porém, postagens com vídeos têm 27% a mais de envolvimento em relação a postagens de texto.

Outra dica importante é não tornar-se um flooder. Ser um flooder é inundar o feed de notícias do usuário. Outras atitudes que geram unlike são excesso de propaganda, tédio, quando o interesse é pontual (promoções) e falta de adequação.

Depois de pensar o seu conteúdo, preocupe-se com a forma como você irá manter o relacionamento com os usuários. As dicas básicas nesse momento são: não seja intrusivo demais, não seja frio demais, não deixe as pessoas falando sozinhas, responda somente o que for perguntado, não ignore as informações que as pessoas estão lhe dando, assuma o erro, nunca delete posts de usuários. Existe espaço nos perfis corporativos para redigir “regras de uso”, liste que tipo de mensagens não serão permitidas, como: propaganda, pornografia e ofensas pessoais. Descrever as regras de uso é uma maneira de se proteger de alguns usuários mal intencionados. Contra eles os perfis nos trazem a possibilidade de, além de excluir posts, excluir usuários e até baní-los. Porém, só faça isso em último caso. Nunca use esses recursos para se livrar de possíveis problemas. Para resolver problemas a melhor forma é ser transparente e mostrar interesse em solucioná-los.

Utilize o espaço que as mídias sociais dão a você e a sede de informação dos usuários para falar sobre o seu produto. Para isso, tenha uma linguagem definida e constante, um perfil corporativo não pode ter mau humor. Faça perguntas e enquetes, faça uso de jogos sociais e aplicativos e não esqueça: a internet transformou-se em um ambiente colaborativo, faça isso tudo junto com os seus fãs e seguidores.

A fase que permeia todas as outras é o Monitoramento. Monitore, pois só assim você irá melhorar e atender as demandas do seu público. O público nos dá os caminhos que temos que seguir. É através do monitoramento que você irá verificar o tipo de relacionamento estabelecido e traçar novas estratégias de atuação.

Um infográfico da GraphMonitor  traz as marcas que mais se destacaram no Facebook Brasil no decorrer de 2012 quando o assunto é audiência e engajamento. Dos mais de 83 milhões de brasileiros conectados, cerca de 75% estão inseridos na rede, segundo dados do Ibope Nielsen Online.

A Brahma Futebol foi a marca que mais conquistou fãs no ano passado, com um crescimento de 186%, e também foi a campeã de engajamento. Já a capital que mais possui usuários conectados ao Facebook foi São Paulo, como era de se esperar pelo número populacional. Rio de janeiro vem logo atrás.

Confira esses e outros dados no infográfico abaixo:

engajamento_facebook

fonte: blog Pinceladas Digitais

Os principais erros das empresas nas redes sociais e o comportamento dos internautas

Olhar para os deslizes já cometidos e conhecer o comportamento dos internautas nas redes sociais, pode ajudar as empresas a não cometer os mesmos erros

Antes de iniciar a atuação da sua empresa em mídias sociais, é importante analisar o que concorrentes e empresas em geral já realizaram nesse meio. Além de apontar caminhos a serem trilhados, essa análise pode ajudar a aprender com as falhas já cometidas por outros empresários.

5 pecados das pequenas empresas nas redes sociais

Confira abaixo os principais erros cometidos por empresas em mídias sociais:

1. Falar antes de escutar
Tem algo para dizer? Escute antes o que seu público está falando. Um trabalho de monitoramento prévio no início de sua ação vai ajudar a fundamentá-la e entender a linguagem de seu público. Entender como sua empresa é vista e falada em redes sociais é o primeiro passo para uma estratégia bem sucedida.

2. Ser egocêntrico
Seus consumidores não vão curtir sua página no Facebook para ouvir você detalhar as maravilhas dos produtos e serviços que sua empresa oferece. Não fale apenas de si mesmo. As pessoas estão interessadas em conteúdos e experiências. Encontre uma causa ligada ao negócio de sua empresa e aos interesses de seu público e poste conteúdos inspiradores como fotos, imagens e notícias.

3. Intrometer-se em conversas
Ao monitorar redes sociais, você vai encontrar diversas oportunidades de diálogo. Aqui, vale a etiqueta utilizada no cotidiano: você não pode interromper uma conversa entre um grupo de pessoas para anunciar seus serviços.

4. Ser arrogante
As mídias sociais deram grande poder ao consumidor, que pode facilmente tornar pública a má experiência com uma marca. Sua empresa deve aprender a reconhecer erros publicamente e ser humilde.

5. Não ter regularidade
Ser inconstante na publicação de conteúdo é um erro comum. É o caso de empresas que postam cinco conteúdos em 15 minutos e depois ficam dois dias sem falar nada. Determine uma frequência para seus posts e esquematize dias e horários para publicação dos conteúdos.

Para poder se comunicar com seu público nas mídias sociais, você tem que conhecer seus comportamentos. Veja o infográfico que aponta o comportamento dos internautas nas redes sociais:

comportamento_redes_sociais

fonte: exame abril

Facebook: novos feeds dão cores mais vivas à experiência na rede social

O novo Facebook

Mark Zuckerberg e sua equipe apresentaram, nesta quinta-feira (07) , o novo layout do Facebook. O site passa a apresentar fotos maiores e múltiplos feeds de notícias. As novidades serão exibidas a partir de hoje para alguns usuários. A implantação será gradual. Quem quiser ser um dos primeiros a migrar para o novo layout pode se entrar numa fila no Facebook. Veja como é o novo Facebook nas próximas páginas.

facebook

Menu de ícones

O menu à esquerda, onde ficam os grupos de que a pessoa participa, passa a ser formado por uma coluna estreita de ícones. Mas é possível expandi-lo para que apareçam os nomes de cada um. Essa mudança libera espaço na tela para que a coluna central fique mais larga. É o que permitiu aumentar o tamanho das fotos e vídeos exibidos.

facebook1

Fotos e vídeos maiores

O novo Facebook dá grande ênfase às fotos e vídeos, mais ou menos como acontece no rival Google Plus. Nesta imagem, vemos, lado a lado, como é mostrada uma foto no Facebook antigo e no novo. A diferença é notável.facebook2

Múltiplos feeds

No canto superior direito da página, desaparece o quadro de Novidades. Em seu lugar, o Facebook passa a exibir um menu onde o usuário escolhe que tipo de novidade deseja ver. Há, por exemplo, a opção Todos os Amigos, que mostra todas as atualizações dos amigos. Já Seguindo mostra atualizações de páginas que a pessoa curtiu e de usuários cujas novidades ela assina.

facebook3

Música

Aqui vemos outro exemplo de um dos feeds de notícias especializados do novo Facebook. Escolhendo o tema Música, o usuário pode ver o que seus amigos estão ouvindo e as novidades relacionadas com música. Escolhendo Fotos, serão mostradas apenas as fotos publicadas pelos amigos e por páginas que o usuário curtiu.

facebook4

Eventos lado a lado

Eventos com data marcada passam a ser exibidos lado a lado, como nesta imagem. É uma forma de o Facebook aproveitar a coluna central mais larga que é parte do novo layout.

facebook6

No PC como no tablet

O novo layout tomou emprestadas soluções que já existiam na versão do Facebook para dispositivos móveis. O resultado de todas essas mudanças é que o aspecto do site quando visto num PC fica mais parecido com o que ele tem num smartphone ou tablet

facebook7

fonte: Info Abril

Nova timeline do Facebook deve valorizar ainda mais a publicidade

Publicidade em vídeo deverá ganhar espaço na rede social em um futuro não muito distante, prevê site

Se você já está incomodado com a publicidade em sua timeline do Facebook, você pode não gostar das mudanças que estão por vir na rede social. Tudo indica que a nova versão do site, prevista para ser mostrada em evento no dia 7 de março, valorizará ainda mais o espaço publicitário da página de Mark Zuckerberg.

timeline_facebookO Business Insider levantou uma série de indícios sobre esta possível prática do ‘novo’ Facebook. O site analisa os comentários do CEO durante uma conferência com analistas de Wall Street em 30 de janeiro.

No evento, Zuckerberg citou que os anúncios na rede social estavam se saindo bem, mas que o Facebook é “capaz de fazer mais com diferentes tipos de mídias”. Pouco depois ele especificou o que seriam estas novas mídias: “fotos maiores, mídias ricas (com interatividade) e vídeo”.

Anúncios em vídeo são um passo importante para a rede social, já que os anunciantes estão dispostos a pagar muito mais do que mensagens de texto ou apenas imagens estáticas.

Segundo Zuckerberg, no entanto, atualmente não há publicidade em vídeo no Facebook por “uma questão de princípios de design de produto”. A rede social quer que o conteúdo orgânico tenha o mesmo formato que o conteúdo pago.

O Business Insider aponta que, por esta lógica, o Facebook não quer vídeos publicitários enquanto seus usuários não se acostumarem a assistir vídeos em sua timeline, seja compartilhado por seus amigos, seja enviado por produtores de conteúdo.

O site, por fim faz um resumo das prováveis ações da rede social daqui para frente:

  • Anunciantes querem exibir anúncios com “mídias ricas”, “fotos maiores” e “vídeos”
  • Facebook irá permitir que eles façam isso, eventualmente
  • Primeiro, o Facebook irá criar maneiras para que os usuários visualizem imagens maiores organicamente e vídeos de seus amigos e de possíveis parceiros

fonte: Olhar Digital

Internautas gastam em média 10 horas e 26 minutos em redes sociais

Dados relativos a janeiro apontam 53,5 milhões de usuários ativos na internet no Brasil e 40% da população de São Luís acessa a rede social

relogio_faceFoi realizada uma pesquisa pelo IBOPE Media, que verificou que em janeiro de 2013, os internautas brasileiros passaram em média 10 horas e 26 minutos em páginas de redes sociais. O número representa um crescimento de 13,5% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

No mesmo mês, também foi constatado que os usuários passaram mais tempo em sites de vídeos e filmes, em relação ao mesmo período de 2012. Houve um crescimento de 14,8 % em comparação a 2012, totalizando 1 hora e 52 minutos de acesso por usuário.

Os dados são do Net Insight, estudo do IBOPE Media, e revelam também que, em janeiro, o número de brasileiros com acesso à internet em ambiente domiciliar e de trabalho chegou a mais de 72,4 milhões de pessoas, das quais 53,5 milhões se comportaram como usuários ativos da rede, ou seja, visitaram ou viram páginas e sites no período. No média mês o maior pico de acessos aconteceu às 17 horas, quando 73% dos usuários estiveram conectados.

Em relação a faixa etária, a mais ativa é entre 25 a 49 anos, que correspondem a 52,7% dos usuários ativos da rede.

Em relação as categorias de sites mais acessadas, foram os sites de busca, portais e comunidades, seguidas das páginas de telecomunicações, serviços de internet e entretenimento.

O Mercado Local

De acordo com uma pesquisa uma pesquisa da agência Teaser Propaganda, São Luís possui um número considerável de usuários no facebook. Quase a metade da população da capital já acessa a rede social, é um numero bastante expressivo (como mostra na imagem). Isso mostra que temos um mercado pronto para ser trabalhado.

pesquisa_teaserfonte: http://www.ibope.com/pt-br/noticias/Paginas/Internauta-gasta-em-media-10-horas-e-26-minutos-em-redes-sociais.aspx