Conheça alguns benefícios dos links patrocinados

  1. O que é o sistema Links Patrocinados?
  2. Algumas características dos Links Patrocinados?
  3. Quais as vantagens dos Links Patrocinados em relação a outros sistemas de anúncios?

Links patrocinados são a forma mais ágil de se anunciar e gerar visitantes  aos sites de comércio eletrônico por exemplo. Os links patrocinados são anúncios, geralmente de tamanho pequeno, postados em sites de busca como o Google com seu sistema de publicidade ADWORDS, ou em suas rede de parcerios ADSENSE.

google-adwords1

Características dos Links Patrocinados

Anúncios em Links Patrocinados são pagos por clique.

Diferentemente dos banners que são pagos no sistema de CPM (custo por mil exposições), os links patrocinados são pagos por clique, ou seja, você só paga se o usuário efetivamente clicar no link e for direcionado ao seu site.

O custo dos Links Patrocinados é estabelecido em um sistema de leilão.

Apenas o custo mínimo de cada link patrocinado é fixado, normalmente em 0,50 reais. A partir dai esse custo aumenta conforme a quantidade de anunciantes interessados em determinada palavra-chave, ou seja, quanto mais anunciantes desejarem anunciar naquela palavra maior será o custo do anúncio.

Google-Leilão

Quem paga mais ocupa as melhores posições.

O anunciante que der o lance mais alto por determinada palavra-chave talvez ocupe a primeira posição na página, aquela que gera maior volume de tráfego. O segundo maior lance talvez ocupe a segunda melhor posição e assim sucessivamente. Outro fator que influencia muito nisso é o índice de qualidade do adwords.

Google-Adwords-Invest

Vantagens dos Links Patrocinados em relação a outros sistemas de anúncios no Comércio Eletrônico

Os links patrocinados normalmente são mais baratos que anúncios em banners porque existe uma grande quantidade de palavras-chave disponíveis, de tal forma que o anunciante pode procurar alguma palavra que tenha relação com o seu produto e cujo custo seja compatível com o retorno esperado.

É importante ressaltar que a custo dos links patrocinados tende a aumentar à medida que o sistema se torne mais conhecido e utilizado como meio de promoção.

Google-Adwords-e-commerce

De fato, o percentual de usuários que clicam em links patrocinados é maior do que aquele verificado nos banners.

Texto publicado originalmente em: http://www.e-commerce.org.br

Facebook fecha parceria com operadoras de telefonia móvel

A rede social fechou parcerias com 18 oporadoras de telefonia móvel para a troca de mensagens gratuitas

Nesta segunda-feira (25), o Facebook anunciou uma parceiria com operadoras de telefonia móvel da Europa, Ásia, África e América Latina que visa oferecer acesso grátis ou um desconto para usuários que usarem a rede social a partir de seus celulares para a troca de mensagens.

No Brasil, a Oi foi a operadora escolhida; serviço de mensagens pode ser acessado por 6.000 modelos

No Brasil, a Oi foi a operadora escolhida; serviço de mensagens pode ser acessado por 6.000 modelos

Desta forma, os clientes poderão conversar por meio do app ou site mobile do Facebook sem comprometer a conta ou seu pacote de dados.

A promoção será válida para usuários do app Messenger para Android, Messenger para iOS, app do Facebook para outras plataformas e do site m.facebook.com.

No Brasil, a Oi foi a operadora escolhida para a parceria. Por enquanto, a empresa não se pronunciou se irá oferecer um desconto ou se irá liberar o tráfego. Portugal, Índia, Indonésia, Tailândia e Itália foram outros países contemplados com a promoção.

Hoje, clientes da TIM no Brasil já não são taxados ao acessar o Facebook em seus celulares.

A oferta é agressiva, pois compete com um dos serviços mais rentáveis das operadoras, que é o envio taxado de SMS. Por outro lado, elas esperam ganhar com a venda de pacotes de internet móvel. A troca de mensagens deve estimular a utilização da rede social e o tráfego para outros sites.

Segundo o Facebook, o serviço de mensagens hoje pode ser acessado por mais de 6.000 modelos de aparelhos celulares. Três em cada quatro usuários envia mensagens por meio da rede social. A promoção deve entrar em vigor nos próximos meses.

Fonte: Exame Info

Como os brasileiros enxergam as marcas no Facebook?

Confira 05 relatórios baseados em uma ampla pesquisa realizada pela empresa Gauge, consultoria em inteligência digital.

O que querem os usuários do Facebook? Por que algumas marcas conseguem melhores índices de engajamento do que outras? Estas, certamente, são perguntas que assombram a mente das empresas dos mais diferentes segmentos – e aguçam a curiosidade de todos.

Para compreender de forma mais ampla e com critérios técnicos o comportamento do usuário e sua relação com as marcas no ambiente do Facebook, a Gauge, consultoria de inteligência digital, acaba de concluir uma pesquisa inédita no País, realizada a partir de métodos quantitativos e qualitativos, que levou aproximadamente um ano para ser realizado e abordou diferentes segmentos de consumo: cervejas, destilados, bebidas não alcoólicas, bancos e carros.

5 marcas

“O Facebook se consolidou no País e tornou-se uma das mídias que mais trazem resultados para as marcas. No Brasil, 82 milhões de usuários estão conectados à internet, sendo que 51 milhões acessam o Facebook. As empresas, no entanto, ainda têm um longo caminho a percorrer para que a comunicação nas redes sociais se torne, de fato, eficiente”, explica Dante Calligaris, Diretor-Executivo da Gauge.

Com o objetivo de entender como as pessoas utilizam o Facebook e como elas se relacionam com as marcas, a pesquisa inédita da Gauge contou com a participação de usuários com idades e perfis diversos, além de observação de marcas de diferentes segmentos e com um grande número de fãs. Outro ponto importante da metodologia foi a utilização de softwares de mapeamentos, a partir de estudos estatísticos, que possibilitou à pesquisa fornecer um panorama fiel do comportamento do brasileiro no Facebook.

 

fonte: exame marketing

A Google lança vídeo feito com os óculos inteligentes

O novo gadget da Google, o Google Glass, já é um dos assuntos mais comentados nas redes sociais.

A empresa norte-amaricana divulgou no YouTube seu mais novo feito, um vídeo filmado excluisavamente com o Google Glass, os óculos inteligentes. O aparelho tira fotos, filma, faz buscas, ligações, mostra localização e mapas. O produto deve chegar ao mercado ainda neste ano.

O vídeo mostra as funcionalidades do óculos inteligente. Para tirar uma foto, a pessoa diz “Ok, Glass, tire uma foto”. A mesma lógica vale para gravar um vídeo. Se quer fazer uma busca, o usuário apenas fala “Google” e o dispositivo faz a procura com base no que a pessoa está vendo naquele momento. E mostra o resultado na telinha dos óculos.

O Glass tem o formato de uma armação de óculos com um bloco pequeno e transparente posicionado acima e à direita do olho direito do usuário (a tela do dispositivo).

Segundo o jornalista David Pogue, do “The New York Times”, o Google Glass é um “computador razoavelmente completo, ou, então, algo como um smartphone que você nunca precisa tirar do bolso”.

Foto: Reprodução/Twitter/thomashawk
Foto: Reprodução/Twitter.com/thomashawk

Veja o vídeo:

Estudo mostra como brasileiros se relacionam com marcas no Facebook

A Gauge realizou uma pesquisa para descobrir como os usuários brasileiros do Facebook se comportam em relação às marcas. O estudo revela que as mulheres dominam as interações com as empresas e publicam 40% a mais do que os homens. Para alcançar os resultados da pesquisa a consultoria utilizou métodos quantitativos e qualitativos, que levou aproximadamente um ano para ser realizado e abordou diferentes segmentos de consumo: cervejas, destilados, bebidas não alcoólicas, bancos e carros.

As mulheres estão dominando a presença na rede social, representando 54% dos usuários, assim como lideram as interações com as marcas, já que realizam, em média, sete publicações por dia, enquanto os homens fazem apenas cinco.

Facebook-Brands - Cópia

E como elas utilizam o Facebook?
18 a 25 anos – Falta critério, sobra humor: 49% não têm critérios definidos ao curtir uma página no Facebook; 93% curtem páginas de humor; 61% compartilham conteúdo para se divertir e divertir amigos; apenas 30% curtem uma página para ficar informada; 25% para conhecer lançamentos; e 6% curtem páginas para participar de promoções.
26 a 35 anos – O impacto da experiência real: Os principais motivos para curtir uma página são: 65% indicação de amigos; 38% consumo da marca no dia a dia; 35% lembranças de momentos. Além disso, 33% delas buscam promoções e lançamentos e 57% querem dicas de utilização de produtos.

Mais de 35 anos – O curtir tem mais valor: 62% curtem páginas que tenham ligação com a profissão e 80% curtem apenas páginas de marcas que consomem no dia a dia. O que elas buscam são informações para definir a decisão de compra, interação e respostas da marca, e ética e responsabilidade no mundo físico e digital.

Órfãos digitais
Os usuários com idade a partir de 26 anos são os mais fiéis e têm relações mais duradouras com as marcas. As ações de grandes empresas dentro do Facebook, no entanto, parecem muitas vezes ignorar esse público. A grande maioria das marcas aposta no conteúdo de humor como principal forma de interação, mas esse tipo de publicação capta a atenção principalmente de pessoas com menos de 25 anos. Apenas 17% dos usuários com mais de 36 anos costumam curtir páginas de humor, 36% dos entrevistados buscam páginas que tenham a ver com sua profissão e estudo e 34% dos usuários a partir dos 26 anos acompanham as páginas para se informar.

Jovens infiéis

Pessoas com idade entre 18 e 25 anos são menos fiéis. O mesmo jovem pode curtir duas ou mais páginas de cerveja, não por consumir, mas por status ou influência dos amigos, por exemplo. Sendo assim, 39% não têm critério para curtir uma página, vai do momento, e 26% nem sempre curtem uma página de produto que utilizam no dia a dia, mas sim pelo que a marca representa para ele.

A experiência real faz a diferença

A relação com as marcas no mundo real é critério determinante para a maneira como as pessoas se relacionam com elas dentro do Facebook: para 54% de todo o público pesquisado a imagem real da empresa é determinante para curtir uma página. Nesse público, 65% compartilham conteúdos que lembrem pessoas próximas; 40% curtem páginas de marcas que tragam lembranças sobre momentos de suas vidas; 74% curtem apenas páginas de produtos que consomem no dia a dia; 57% já postaram conteúdos sobre as marcas em seus próprios perfis; e 66% acreditam que marcas são assuntos tanto na internet quanto no dia a dia com seus amigos.

As marcas sabem o que estão fazendo no Facebook?
A maioria das empresas presentes no Facebook se esquece de dois pontos cruciais nas redes sociais: relacionamento e conteúdo adequado ao seu público e perfil. As pessoas analisadas na pesquisa empírica afirmaram que ainda falta muito para as empresas conseguirem se relacionar com elas de forma correta: 66% buscam informação nas páginas que curtem; 87% analisam o conteúdo oferecido antes de curtir a página; 40% querem conteúdo que se associe com suas lembranças; 54% afirmam procurar páginas de marcas com as quais se identificam para curtir no Facebook; e 74% só curtem páginas de marcas que consomem no dia a dia.

Fonte: Proxxima

Facebook: as maiores fanpages do Brasil em janeiro

Estudo mensal da Socialbakers divulga ranking das páginas mais populares do País na rede social

Nesta sexta-feira, 8, o Socialbakers, companhia especializada em analise das redes sociais, divulgou os números de janeiro sobre a audiência e participação das marcas brasileiras no Facebook. O Brasil é o segundo maior país em número de usuários na rede social – são 66 milhões de pessoas – e cada vez mais as marcas estão apostando em ações direcionadas a companhia de Mark Zuckerberg. As fanpages com maior números de usuários são: Guaraná Antarctica (9,8 milhões); Skol (9,2 milhões); Coca-Cola (7,4 milhões) L’Oréal Paris Brasil (5,7 milhões); e Hotel Urbano (5,5 milhões).

socialbakers_top10_1

 

Em ano de Copa do Mundo, dentre as três primeiras páginas no Top 10 do segmento de mídias, duas são plataformas esportivas. Em primeiro lugar aparece o Multishow com 6,2 milhões de usuários, seguido por Esporte Interativo (5,6 milhões) e SporTV (4,3 milhões).

socialbakers_top10_2

 

Nos números do Socialbakers sobre Engagement Rate, (dado que mede a evolução da marca de acordo com a interação com os usuários) o destaque foi a página da ClickDoe, que cresceu 227%. Quanto as empresas que melhor se comunicam com os usuários, a pesquisa mostrou que a fanpage da Sky Brasil é líder absoluta – com um tempo de resposta estimado em 18 minutos – e aprovações dos usuários em 96% dos casos.

socialbakers_top5

 

Os posts de promoções de viagens da Decolar.com foram os que obtiveram maior sucesso em janeiro – seguidos pela ação da L’Oréal Paris Brasil, com a participação da atriz Tais Araújo.

socialbakers_most_popular_post

fonte: Socialbakers / Revista Proxxima